Sudário de Turim terá exposição on-line no Sábado Santo

Por: Mathias Ribeiro
. Atualizado: 10/04/2020 às 22h:19

O Santo Sudário permanecerá na teca que o protege, mas “graças à televisão e às mídias sociais, a imagem do pano sagrado estará disponível a todos para contemplação, em todo o mundo”, explicou o arcebispo de Turim.

O Santo Sudário poderá ser venerado pelos fiéis, pela TV e pelas redes sociais, na tarde do Sábado Santo. O anúncio é do arcebispo de Turim, Dom Cesare Nosiglia, que em um vídeo explicou que a decisão foi tomada para apoiar os fiéis nestes tempos de pandemia de “coronavírus” e pedir a Cristo “a graça para vencer o mal, como Ele fez na Cruz”.

Hoje é Sexta-Feira Santa, o único dia em todo o calendário litúrgico católico em que não se celebra a missa – em vez disso, há uma liturgia especial da Paixão do Senhor, com a distribuição da comunhão, mas sem a consagração. Neste ano, para os católicos em muitos lugares mundo afora, sem acesso aos sacramentos por restrições governamentais ou decisão das próprias autoridades eclesiásticas, praticamente toda essa Quaresma foi uma extensão do dia de hoje, embora saibamos que o Santo Sacrifício continua a ser celebrado privadamente, como demonstram as inúmeras iniciativas de transmitir missas pela internet.

Pois também será pela internet que a Arquidiocese de Turim promoverá, amanhã, uma exibição extraordinária do Sudário de Turim. Nos últimos anos, essas exposições têm se tornado mais frequentes (infelizmente, não houve uma durante os Jogos Olímpicos de Inverno de 2006, dos quais participei como voluntário; pude apenas visitar a catedral e ver a urna onde o Sudário era guardado), mas nunca tinha havido transmissão ao vivo pela televisão ou pela internet, o que faz do evento de amanhã algo inédito. O papa Francisco escreveu ao arcebispo Cesare Nosiglia parabenizando-o pela iniciativa, que incluirá a celebração de um ato litúrgico e uma oração pelo fim da pandemia do coronavírus, assim como o papa tem feito diante do ícone mariano da Salus Populi Romani e do crucifixo milagroso de San Marcello al Corso.

A celebração e exposição do Sudário começa às 17 horas no horário italiano, meio-dia no Brasil. As mídias vaticanas começarão a transmissão cinco minutos antes, às 11h55. Você pode acompanhar a ostensão e venerar o Sudário pela Vatican News em português, que tem sitecanal no YouTube e página no Facebook.

Encontrou algo errado na matéria?

Nosso apostolado possui em sua equipe editorial jornalistas profissionais, sacerdotes, professores e leigos, por esta razão, é possível que o conteúdo do nosso site contenha erros e para isso precisamos da sua ajuda.




Leia Mais

Comentários

Apenas usuários logados podem comentar ou responder nossas matérias.