Quatro religiosas são sequestradas na Nigéria

Por: Sophia Mendes
. Atualizado: 22/08/2022 às 23h:16
Quatro religiosas são sequestradas na Nigéria
Imagem: Reprodução/Redes Sociais

As Irmãs de Jesus Salvador anunciaram que quatro de suas religiosas foram sequestradas no estado de Imo, na Nigéria, no domingo.

É com grande dor que trazemos ao seu conhecimento o sequestro de nossas irmãs: Johannes Nwodo, Christabel Echemazu, Liberata Mbamalu e Benita Agu”, disse irmã Zita Ihedoro, secretária geral da comunidade.

O sequestro ocorreu perto do eixo Okigwe-Umulolo da via expressa Okigwe-Enugu, enquanto os religiosos estavam a caminho de uma missa.

Related Posts

Imploramos por uma oração intensa por sua libertação rápida e segura. Que Jesus, o Salvador, ouça nossas orações e que Nossa Mãe Maria interceda pela libertação incondicional de nossas queridas Irmãs”, escreveu a Irmã Zita.

Ainda assim, sequestros de cristãos na Nigéria se multiplicaram nos últimos anos. Uma situação que levou os líderes da Igreja a expressar séria preocupação com a segurança de seus membros. O vaticano pediu ao governo que priorize a segurança de seus cidadãos.

Além do sequestro das religiosas, a igreja registra mais perseguições a católicos no mundo

Com o sequestro das religiosas nigerianas, a igreja registra mais crimes contra católicos no mundo, no Canadá crimes de ódio contra católicos aumentaram, relatório mostra um aumento nos crimes de ódio contra católicos desde o ano passado. Aumento foi quase dez vezes maior do que todos os crimes.

Além disso, estado indiano impõe 10 anos de prisão por “conversões forçadas”. A nova lei aprovada na sexta-feira (12) altera a Lei de Liberdade Religiosa de Himachal Pradesh 2019, que entrou em vigor há menos de dois anos. Além disso, apesar do nome, a lei visa impedir que os hindus mudem de religião. A lei impõe 10 anos de prisão por conversões forçadas.

Por último, governo da Nicarágua vem perseguindo bispos e leigos. No domingo, o governo de Ortega proibiu o padre da diocese de Atahualpa, onde o bispo local está virtualmente em prisão domiciliar, de receber a imagem.

Encontrou algo errado na matéria?

Nosso apostolado possui em sua equipe editorial jornalistas profissionais, sacerdotes, professores e leigos, por esta razão, é possível que o conteúdo do nosso site contenha erros e para isso precisamos da sua ajuda.




    0 Comentários

    Os comentários são exclusivos para assinantes do Deo Vero.