fbpx

JMJ: Papa vai confessar jovens detentos

O encontro com os jovens em uma prisão juvenil e com os jovens com AIDS serão alguns dos momentos mais significativos da viagem apostólica do Papa Francisco ao Panamá, de 23 a 28 de janeiro.

Vatican News
. Atualizado: 20/01/2019 às 02h:59

A reunião com os jovens em uma cadeia juvenil e com os adolescentes com AIDS: Que são alguns das ocasiões mais significativas da viagem apostólica do Santo Padre ao Panamá, de 23 a 28 de janeiro, por ocasião da XXXIV Jornada Mundial da Juventude. O diretor interino da Sala de Imprensa da Santa Sé, Alessandro Gisotti, falou sobre os dois eventos aos jornalistas, destacando que a viagem do Papa terá “uma forte dimensão mariana”.

O Papa junto às periferias existenciais

Na sexta-feira, 25 de janeiro, o Pontífice visitará o “Centro de Cumplimento de Menores Las Garzas de Pacora”, onde encontrará 200 jovens detentos. Na ocasião, o Papa confessará alguns jovens prisioneiros nos confessionários feitos por alguns deles.

“ É um sinal da proximidade de Francisco com os jovens que não podem participar da Jornada Mundial da Juventude ”

No dia 27 de janeiro, último dia da JMJ, o Papa irá à Casa Hogar do Bom Samaritano para encontrar jovens com deficiência e com AIDS. “O Papa – concluiu Gisotti – quer estar também nesta ocasião próximo de todas as periferias existenciais”.

Compartilhe

Encontrou algo errado na matéria COMUNIQUE ERROS

Leia Mais

Comentários

Apenas usuários logados podem comentar ou responder nossas matérias.