Hospitais católicos e profissionais de saúde lutam incansavelmente contra o coronavírus | Deo Vero

Hospitais católicos e profissionais de saúde lutam incansavelmente contra o coronavírus

Por: Vatican News
. Atualizado: 10/06/2020 às 12h:23
© CHINA DAILY/Reuters/direitos reservados

Cuidar de todos os pacientes, sem qualquer discriminação: é o que os hospitais católicos da Arquidiocese de Bombaim, na Índia, fizeram e estão fazendo neste período de pandemia de coronavírus, oferecendo constantemente assistência e tratamento eficazes a todos os que necessitam de ajuda.

Hospital Santa Cruz 

Exemplo marcante desse trabalho é o Hospital Santa Cruz de Kalyan, dedicado especificamente ao atendimento de pacientes com Covid-19. “A estrutura – lê-se no site da Arquidiocese de Bombaim – atualmente acolhe 31 pacientes positivos para o vírus, que são tratados gratuitamente”.

Além dos medicamentos, explica a irmã Marshan Rodrigues, superiora do hospital, também foram distribuídos “elementos essenciais como alimentos, kits de higiene e saúde e dispositivos de segurança pessoal, incluindo máscaras”.

“Os hospitais católicos em Bombaim – disse por sua vez o bispo diocesano auxiliar, Dom Allwyn D’Silva – têm sido proativos em responder à população em momentos de necessidade, em estreita colaboração com o governo. Nenhuma estrutura faltou ao chamado.”

Hospital “Saint Elizabeth”

O mesmo se aplica ao hospital “Saint Elizabeth”, ao sul de Bombaim, responsável pelo fornecimento de alimentos aos mais pobres da região, permanecendo ao lado de pacientes terminais e migrantes vindos de outros Estados da Índia.

Os tratamentos para os mais indigentes, afetados pelo coronavírus, foram administrados gratuitamente. O hospital também ofereceu apoio psicológico a pacientes que resultaram positivo para a Covid-19, bem como para suas famílias.

Centro de Saúde Sagrada Família

Outro exemplo virtuoso é o do Centro de Saúde “Sagrada Família” em Branda, a oeste de Bombaim: em 15 de abril, de fato, a estrutura montou um pavilhão dedicado exclusivamente ao tratamento de pacientes com coronavírus e modificou seus departamentos para acomodar 19 pacientes que testaram positivo. Esses leitos somaram-se aos oito já existentes na ala de isolamento e aos nove disponíveis na Unidade de Terapia Intensiva.

Além disso, em 15 de março, fora do hospital, foi aberto um primeiro centro de atendimento a pacientes com febre, tosse e resfriado, para facilitar o diagnóstico em total segurança, mesmo antes de entrar na estrutura principal.

Hospital “Stella Maris” 

E não só. Também o Hospital “Stella Maris” em Bhayandar, além de atender pacientes com Covid-19, manteve sua clínica aberta para pacientes cardíacos e não esqueceu as mulheres grávidas, encaminhando atendimentos a outros hospitais para acelerar as consultas.

O hospital também forneceu comida para os necessitados e ajuda para os migrantes que precisam completar as formalidades burocráticas para chegar a sua casa. No total, mil famílias foram beneficiadas pela assistência oferecida pelo hospital.

“Os hospitais católicos e os profissionais de saúde da Arquidiocese de Bombaim lutam incansavelmente contra o coronavírus, salvando vidas todos os dias – conclui a nota da Arquidiocese -. Médicos e enfermeiros de nossa comunidade trabalham 24 horas por dia, colocando suas vidas em risco e, mais uma vez, nos mostram que serviço à humanidade é serviço a Deus”. (IP)

Artista pinta mural em agradecimento aos profissionais de saúde em Mumbai

Encontrou algo errado na matéria?

Nosso apostolado possui em sua equipe editorial jornalistas profissionais, sacerdotes, professores e leigos, por esta razão, é possível que o conteúdo do nosso site contenha erros e para isso precisamos da sua ajuda.




    Leia Mais

    Comentários

    Apenas usuários logados podem comentar ou responder nossas matérias.